Salmo XV

Exultai em Deus, nosso protetor (Sl 80,2); * aclamai com vozes de júbilo o Senhor, Deus vivo e verdadeiro (Sl 46,2).

Porque o Senhor é o altíssimo, o temível * o grande Rei de toda a terra (Sl 46,3). 

Pois o santíssimo Pai do céu, Rei nosso antes de todos os séculos (Sl73,12), mandou do alto seu amado Filho * e nasceu da bem-aventurada virgem Santa Maria. 

Ele me invocou: Vós sois meu Pai (Sl 88,27) * e eu o farei primogênito, excelso sobre os reis da terra (Sl 88,28). 

Naquele dia concedeu o Senhor sua misericórdia, * e de noite ressoou o seu louvor (cf. Sl 41,9). 

Este é o dia que o Senhor fez; * nele exultemos e nos alegremos (Sl 117,24). 

Porque um santíssimo menino amado nos foi dado, e nasceu por nós (cf. Is 9,6) no caminho e foi posto num presépio * porque não tinha lugar na pousada (cf. Lc 2,7). 

Glória ao Senhor Deus nas alturas, * e na terra paz aos homens da boa vontade (cf. Lc 2,14).

Alegrem-se os céus e exulte a terra, comova-se o mar com tudo que contém, * rejubilem-se os campos e tudo que neles existe (Sl 95,11-12).

10 Cantai ao Senhor um cântico novo; * cantai ao Senhor por toda a terra (Sl 95,1).

11 Porque o Senhor é grande e merece todo louvor, * é mais temível que todos os deuses(Sl 95,4).

12 Dai ao Senhor, ó famílias dos povos, dai ao Senhor glória e poder (Sl 95,7-8) * Daí ao Senhor a glória do seu nome (Sl 95,8).

13 Oferecei vossos corpos (cfr. Rm 12,1) e carregai sua santa cruz (cfr. Lc 14,27; Jo 19,17), * e segui até o fim seus santíssimos preceitos (cfr. 1Pd 2,21).